0207

Muitas são as teorias sobre a origem do famoso costume espanhol de “tapear” ou “ir de tapas”. Uma das mais conhecidas assegura que surgiu na Idade Média durante o reinado de Afonso X, El Sabio. Outra, que foi após a Guerra Civil Espanhola. Mas, independente de sua origem, o momento de relaxar entre amigos, familiares ou colegas de trabalho com um bom vinho e pequenas porções de comida foi ganhando cada vez mais adeptos mundo a fora.

As tapas são pequenas porções como azeitonas, batatas bravas, queijos, presunto. Para dar ainda mais charme e sabor, é possível servi-las com alguns pinchos. Tradicionais do país Basco, os pinchos são servidos sobre uma fatia de pão e podem ser preparados com diversas combinações de carne, presuntos, queijos e vegetais, espetados por um palito. Para levar tudo isso à mesa, opte pelas tábuas de madeira.

Convidar um grupo para “tapear” em casa pode render um excelente encontro. Com alguns elementos, truques e combinações de cores à mesa, a cozinha ou a sala de jantar podem se transformar no cenário ideal. Uma boa opção é combinar cores com características rústicas como os tons mais claros de bege aliados aos terrosos mais vivos na toalha de mesa e guardanapos. As taças podem ganhar uma nova função: emborcadas, com rolhas no bojo e velas sobre o pé, viram castiçais que dão um toque acolhedor à iluminação. Mas é preciso ter cuidado para que a altura das velas não atrapalhe a visão das pessoas. As do tipo lamparina, por exemplo, são ideais para taças de haste longa.

Pela forma simples e descontraída tanto de preparar quanto de degustar, as tapas são uma ótima opção para receber bem em casa. Tanto a preparação do ambiente quanto a dos alimentos, pode ser feita de forma rápida e simples. Com tudo pronto, resta ao anfitrião aproveitar o seu tempo para dar atenção aos seus convidados, relaxar e se divertir. Bem como manda a tradição espanhola.